Ir direto para menu de acessibilidade.

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
2006

Professores já podem escolher livro de biologia

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE com informações do Ministério da Educação
  • Quarta, 26 Julho 2006 00:00

ASCOM-FNDE (Brasília) - Cerca de 7,5 milhões de alunos do ensino médio de 14.727 escolas públicas federais, estaduais e municipais vão receber livros de biologia no início do ano letivo de 2007. A escolha será feita pelos professores a partir da resenha de nove obras disponível no Guia do Livro Didático do Ensino Médio - Biologia, elaborado pela Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC).

Para cada obra, o Guia indica síntese avaliativa, sumário, resenha, análise e recomendações ao professor. Desta vez, a escolha será feita unicamente pela internet. A diretoria das escolas que não têm acesso à rede deve procurar a Secretaria de Educação.

No período de setembro a dezembro próximo, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC) enviará os livros às escolas pelos Correios. A versão impressa do Guia chegará na próxima semana aos estabelecimentos de ensino, que terão prazo entre 1º e 18 de agosto para definir o título a ser adotado.

Pela primeira vez, estudantes de ensino médio da rede pública receberão livros de biologia gratuitamente. "Isso é fundamental para os alunos e para os professores", observou Sônia Schwartz Coelho, coordenadora de produção e distribuição de livros didáticos do FNDE. Ela destaca que são livros de excelente qualidade, tanto no conteúdo quanto no aspecto físico. Os exemplares devem durar no mínimo três anos - ao fim de cada ano letivo, o aluno terá de devolvê-lo à escola para dar a chance a outro estudante de utilizá-lo. "São obras que nas livrarias custariam caro e precisam ser conservadas", ressaltou Sônia.

Custos - A seleção e a distribuição de livros de biologia fazem parte do Programa Nacional do Livro Didático para o Ensino Médio (Pnlem), que começou a ser executado em 2004 com distribuição de obras de português e matemática para estudantes das regiões Norte e Nordeste. Posteriormente, a ação foi estendida a todas as séries, em todo o Brasil. As escolas não precisam escolher as coleções de português e matemática porque a atual opção vale por três anos. Terão apenas de indicar o montante de reposição. A escolha só ocorrerá em caso de novas escolas.

Em Minas Gerais, a Secretaria estadual de Educação tem programa próprio de distribuição dos livros. Portanto, somente as escolas federais e municipais receberão as obras de biologia.

Para adquirir e distribuir os 8,2 milhões de exemplares, o investimento do FNDE é de R$ 94,9 milhões. Todas as escolas beneficiadas estão cadastradas no Censo Escolar de 2005, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep/MEC).

Os professores devem fazer a escolha e podem obter mais informações na página eletrônica do Guia.

Repórteres: Susan Faria e Lucy Cardoso

Fim do conteúdo da página