Ir direto para menu de acessibilidade.

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
2005

Recife sedia o 9º Encontro Nacional do Livro Didático

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE com informações do Ministério da Educação
  • Segunda, 01 Agosto 2005 00:00

ASCOM-FNDE (Brasília) – A partir de amanhã, 2, cerca de 250 pessoas das cinco regiões do País vão se reunir na Fundação Joaquim Nabuco, em Recife (PE), para avaliar o Programa Nacional do Livro Didático do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC). São técnicos, parceiros e especialistas do setor que irão discutir os acertos e as falhas do programa no 9º Encontro Técnico Nacional dos Programas do Livro. "Estamos completando 20 anos de programa tentando ouvir e discutir novas estratégias, principalmente para o ensino médio", diz Daniel Silva Balaban, diretor de Ações Educacionais do FNDE.

Balaban conta que esses encontros são de fundamental importância para os avanços dos programas dos livros didáticos e paradidáticos do Ministério da Educação. "Graças a eles, pudemos aperfeiçoar o formato dos programas Biblioteca da Escola e do PNLD-Dicionários, além de introduzirmos o Código de Ética dos programas do livro, que são as regras de atuação das editoras junto às escolas públicas".

Outras inovações são a aquisição de livros em Braille, a criação do Programa Nacional do Livro Didático para o Ensino Médio (Pnlem) e o desenvolvimento do Sistema de Controle de Remanejamento e Reserva Técnica (Siscort), que permite o acompanhamento da distribuição e o remanejamento de livros da reserva técnica de uma escola ou região para outra, de acordo com a necessidade.

Os programas do livro alcançaram uma performance de sucesso ao longo dos últimos 20 anos. Em 2002, o FNDE recebeu dois prêmios em função do PNLD: o de Maior e Melhor Programa de Distribuição do Mundo e o de Maior Programa de Distribuição e Logística, concedido pela Associação Brasileira de Movimentação e Logística em São Paulo.

Participam da cerimônia de abertura do encontro os presidentes do FNDE, José Henrique Paim Fernandes, e da Fundação Joaquim Nabuco, Fernando Lyra, o secretário de Educação Básica do MEC, Francisco das Chagas Fernandes, o governador de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos, o prefeito de Recife, João Paulo Lima e Silva, a presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Maria do Pilar Silva, o secretário de Educação de Pernambuco, Mozart Neves Ramos, a secretária de Educação de Recife, Maria Luiza Martins Aléssio, o diretor de Ações Educacionais do FNDE, Daniel Balaban, além das diretoras da Secretaria de Ensino Básico do MEC, Jeanete Beauchamp e Lucia Lodi, entre outras autoridades.

Serviço – A Fundação Joaquim Nabuco fica na Avenida 17 de Agosto, 2187, no bairro de Casa Forte, em Recife, Pernambuco. A cerimônia oficial de abertura será às 19h30 de terça-feira. As palestras, os debates e grupos de trabalhos ocorrerão ao longo da semana. O 9º Encontro terá seu encerramento às 17h de sexta-feira, 6, com a consolidação de relatório com as diretrizes levantadas no evento.


Repórter: Lucy Cardoso

Fim do conteúdo da página